Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Espetáculo "Encantados S.A."

Imagem
Seres encantados se infiltram novamente nos palcos de Belém. Em seu quarto ano de sucesso, espetáculo "Encantados S.A." mostra que os contos de fada podem não ser tão irreais assim.

E se a Chapeuzinho Vermelho frequentasse os mesmos lugares que você, disfarçada de pessoa comum? E se a Bela Adormecida fosse sua vizinha sem que você nunca tenha percebido? E se aquele seu professor estranho fosse ninguém menos que Capitão Gancho disfarçado? Já imaginou? Em Encantados S.A, espetáculo do Grupo de Teatro Universitário que volta a cena de 26 a 29 de junho no Teatro Cláudio Barradas, os seres dos contos de fada estarão infiltrados por toda a parte. A trama central da dramaturgia, assinada e dirigida pela dupla Bárbara Gibson e Haroldo França, gira em torno de Noque, um garoto de 13 anos que é oprimido pelos colegas por ainda brincar de boneco. Gigy, seu brinquedo preferido, é também seu único amigo, e com ele o garoto compartilha suas descobertas, angústias e vivências. A pacata vida d…

Espetáculo Teatral "ANÁGUAS"

Imagem
A Companhia Oxente de Atividades Culturais apresentará nos dias 07 e 08 de junho de 2014, no palco do Teatro Universitário Cláudio Barradas (TUCB) do Instituto de Ciências da Arte (ICA) da Universidade Federal do Pará (UFPA), o espetáculo teatral " Anáguas", dirigida pelo paraibano José Maciel. O espetáculo retrata a história de três mulheres (a Mãe - Maria das Graças; a filha considerada o esteio da família - Maria Exaurina e a filha mais nova que é considerada a ovelha negra - Maria Cândida); lutam cada uma a sua maneira para se manterem fieis aos seus princípios, para isso são capazes de passar por cima de seus próprios egos liberando o que há de mais cruel no ser humano: Conflitos, desarmonia, egoísmo, injustiças e condenação permeiam o espetáculo do inicio ao fim onde essas três mulheres mostram também suas fraquezas e se apoiam no próprio seio familiar.  Uma montagem triangular e atemporal onde três escadas definem o espaço trabalhado pelas atrizes que dão vida as perso…