Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

O QUE PODERIA VIR.A.SER

Imagem
Neste final de semana no TUCB.


SOLIDARIARTES

Imagem
Ser artista já é por si só um ato solidário, implicando, antes de tudo, estar disposto a se doar para o outro; e quando outro artista precisa de ajuda toda a comunidade se mobiliza da forma que pode.
Com o apoio de amigos e artistas de várias expressões, o SolidariArtes fora criado para a arrecadação de fundos para a reconstrução da casa da bailarina Kellen Melo, que fora derrubada por uma árvore no ano de 2012.
Vem com a gente nesse evento solidário. De 17 a 20 de maio, na Escola de Teatro e Dança da UFPA. Muita dança, teatro, música e muito amor ao próximo!



Oficinas: 
Dia 17:
Pintura com Qualquer Coisa com Mariana Aguiar - 10h às 12h
Dança Contemporânea com Kellen Melo - 14h às 16h
Jazz com Carol Sarquis - 16h às 18h

Dia 18:
Stiletto com Brendo Pinheiro - 8h às 10h
Vitrinismo Cenográfico com Álvaro Viríssimo - 10h às 12h
Desenho em Perspectiva com Dimi Lira - 14h às 16h
Dança Afro com Taynara Garcia - 16h às 18h

Dia 19:
Jogos Teatrais com Victor Braun - 10h às 12h
Produção de Mandalas com Luan Mel…

Espetáculo DESCONECTADO

Imagem
ESPETÁCULO DE DANÇA: DESCONECTADO
Os discentes do primeiro ano do Curso Técnico de Dança da Escola de Teatro e Dança (ETDUFPA) do Instituto de Ciências da Arte (ICA) da Universidade Federal do Pará (UFPA) apresentarão  no período de 13 a 15 de maio/16, às 20 horas,  no Teatro Universitário Claudio Barradas (TUCB), o espetáculo de dança Desconectado, dirigido pela professora Waldete Brito. Este espetáculo é  resultado da disciplina Prática de Montagem I, trata-se de um processo de criação coreográfica coletiva, sob a direção da professora, bailarina e coreógrafa Waldete Brito.  A dramaturgia geral foi concebida a partir das relações estabelecidas entre o antes e o depois do uso dos aplicativos e aparelhos de celular. O corpo  desconectado no meio tecnológico, sendo afetado e se deixando afetar pelas mídias sociais,  pelos inúmeros programas online, ou seja, o mundo girando na tela que não desgruda do corpo. A conexão ampliada para além do contato entre corpos, o desespero de alguns para …

Oficina Teatrólogo russo, Jurij Alschitz

Imagem
Teatrólogo russo, Jurij Alschitz, em oficina pela primeira vez em Belém As inscrições gratuitas já estão abertas para o evento, realizado pelo Espaço Oficina Assim, no período de 27 de junho a 1º de julho
            Com outro olhar e reflexão sobre a dinâmica pedagógica das Artes Cênicas, Jurij Alschitz vem a Belém para ministrar a oficina O Individual e o Coletivo, com a colaboração da diretora Maria Thais Santos, abordando questões instigantes para a cena do teatro contemporâneo. Entre as temáticas a serem apresentadas estão as relações interpessoais e a individualidade dentro dos grupos e o que distingue um grupo de atores recrutados para um projeto, de um conjunto artístico.             Segundo o diretor e pedagogo teatral, "a oficina também buscará respostas de forma conjunta, com treinamento especial voltado para a prática cênica e a teoria, de maneira a oferecer soluções para problemas de elenco, ou mesmo no elenco". Outro foco será o contato com questões de fundo da pe…

Feiurinha, O conto desaparecido.

Imagem
É com muita felicidade que anunciamos a volta de FEIURINHA, O CONTO DESAPARECIDO! Após saberem do desaparecimento de Feiurinha, as princesas encantadas foram convocadas por Branca de Neve para uma reunião emergencial!
Vocês também podem se juntar nessa busca com a gente.
APRESENTAÇÃO ÚNICA
dia: 07/05/16 
Horário: às 18h e 20h (duas sessões)
Valor: R$20,00 (meia para estudantes, mediante apresentação de carteirinha estudantil). Antecipados R$10,00
Local: Teatro Cláudio Barradas ( Jerônimo Pimentel esquina com Dom Romualdo de Seixas) Esperamos todos vocês!
Informações e ingressos antecipados: 983685271 Victor Hugo Braun.

Secretária, traz um quilo de bombom!

Imagem
É um espetáculo dos Palhaços Trovadores, criado em 2004 como resultado da Bolsa de Pesquisa, Experimentação e Criação Artística do Instituto de Artes do Pará – IAP, projeto premiado da atriz-palhaça Cleice Maciel, integrante do grupo. A pesquisa faz um levantamento de artistas circenses que atuaram na cidade de Belém, centrando seu foco em dois grandes nomes da arte circense da cidade: o palhaço Alecrim da Beira d’Água e o mágico Chamon. Alecrim foi um clown branco, que manteve durante muitos anos um programa na televisão paraense. Muito conhecido na cidade, era figura obrigatória em vários eventos, festas e aniversários. Da mesma forma, o mágico Chamon era também presença constante nestes eventos. Os dois chegaram a trabalhar juntos e protagonizaram muitas histórias da arte circense do Estado. Eram muito conhecidos e queridos na cidade de Belém. O espetáculo dos Palhaços Trovadores mostra os dois artistas através de seus números, colhidos em vários relatos, inclusive em entrevista real…

CINECLUBE - "CAMINHOS DE MALDOROR"

Imagem
Segundo André Breton, poeta francês e um dos precursores do surrealismo, os escritos de Lautréamont "brilham com um fulgor incomparável: são a expressão de uma revelação total, que parece exceder as possibilidades humanas. Com ele o famoso "tudo é permitido" de Nietzsche não permaneceu platônico, pretendendo significar que a melhor regra aplicável ao espírito ainda é a orgia." Escrito em torno de 1869 pelo uruguaio Isidore Ducasse, sob o pseudônimo de Conde de Lautréamont, que faleceu na França aos 24 anos, o livro "Cantos de Maldoror" só foi publicado décadas depois da morte de seu autor por conta de seu conteúdo ultraviolento e mórbido e que influenciou movimentos artísticos como o dadaísmo e o surrealismo. Em 1998 o dramaturgo Ivam Cabral, a partir da tradução dos Cantos feita por Cláudio Willer, escreveu uma versão dos Cantos para ser encenada pelo grupo "Os Satyros", de Curitiba e essa versão para teatro foi a base para a investigação da d…

Espetáculo ÉDIPO REI

Imagem
Os discentes do 1º ano letivo do Curso Técnico em Teatro e dos 1º e 2º anos dos Cursos Técnicos de Figurino e Cenografia da Escola de Teatro e Dança (ETDUFPA) do Instituto de Ciências da Arte (ICA) da Universidade Federal do Pará (UFPA), com o apoio da Secretaria de Cultura do Estado do Pará, por meio do Sistema Integrado de Museus e do Museu do Estado Pará, apresentarão no período de 06 a 08 de maio/16, no Museu do Estado do Pará, o espetáculo do final do ano letivo de 2015, Édipo Rei, dirigido pelos professores Denis Bezerra, Karine Jansen, Renan Delmontt.

O espetáculo tem como ponto de partida a tragédia grega de Sófocles, Édipo Rei, e mergulha nesse texto de referência para a cultura ocidental. O trabalho final dos alunos dos cursos técnicos da ETDUFPA desse ano parte da vontade de encenar a história de Édipo, mito de uma importância significativa para o período helenístico e para todos os movimentos posteriores que se debruçaram sobre a questão do trágico e os temas exposto na ob…