III Encontro Paraense de Etnocenologia

O TAMBOR - Grupo de Pesquisa em Carnaval e Etnocenologia do Programa de Pós-Graduação em Artes (PPGArtes) do Instituto de Ciências da Arte (ICA) da Universidade Federal do Pará (UFPA), realizará no período de 13 a 17 de junho/16, no Teatro Universitário Cláudio Barradas (TUCB) e no estacionamento privativo da ETDUFPA, o III ENCONTRO PARAENSE DE ETNOCENOLOGIA denominado "ESPETACULARIDADES ETNOCENOLÓGICAS - Alteridades, Estéticas e Poéticas". Coordenação geral assinada pelos professores-doutores Miguel Santa Brígida e Maria Ana Azevedo.

Para a edição 2016 o tema eleito foi Práticas Espetaculares Etnocenológicas - Alteridades, Estéticas e Poéticas,que visa o aprofundamento sobre as espetacularidades tradicionais e contemporâneas que revelam o fulcro das investigações epistêmicas pela abordagem etnocenológica, que privilegia a sabedoria dos praticantes, as culturas populares, as tribos urbanas, os saberes tradicionais, o conhecimento comum, as vivências das ruas, das esquinas, dos bares, das feiras, dos lugares e não-lugares de potências geradoras de exercício de alteridades, suas estéticas particulares e suas singularidades poéticas na construção do conhecimento  etnociêntifico gerado da pesquisa em artes cênicas a partir da Amazônia.
A realização do III- Encontro Paraense de Etnocenologia adensa e avança a produção de conhecimento etnocenológico na Amazônia em mais de uma década. Este panorama amazônico revela-se significativo ao considerarmos sua produção e articulação com outras instituições, grupos e núcleos de pesquisa nas artes cênicas na cidade, na região, no país e seus desdobramentos internacionais ao interagir com os Colóquios Internacionais de Etnocenologia e o Centro Internacional da Etnocenologia em Paris. Tal produção de conhecimento tem sido evidenciada nas edições anteriores, dentre os quais destacamos três aspectos:
1- O evento tem permitido um intercâmbio entre artistas e pesquisadores das artes cênicas e também de diferentes áreas artísticas e solidificado relações institucionais locais, de outras regiões e apoiadores e contribuintes à institucionalização o projeto.
2- Os Encontros anteriores tornaram-se referência para pesquisadores, docentes, artistas e discentes de diferentes linguagens artísticas, permitindo a ampliação participativa no que tange às questões teóricas e metodológicas da Etnocenologia.
3- A continuidade de ações artístico-acadêmicas, no interstício dos encontros bianuais observadas nas ações do GETNO (Grupo de Estudos em Etnocenologia), nos grupos de pesquisas, seminários, disciplinas, bem como em espetáculos e intercâmbios, tornando premente sua intersecção dialógica na construção etnocenológica na Amazônia.
Por fim, o Encontro Paraense de Etnocenologia nas suas últimas edições remarcou um importante espaço para a pesquisa em artes cênicas na Amazônia por possibilitar a quebra de paradigmas, ao fomentar discussão das espetacularidades tradicionais e as intercorrências da contemporaneidade, privilegiando a diversidade, os saberes tradicionais, os ritos, o inesperado, o cotidiano, as religiosidades e o complexo atual da cena espetacular da amazônica.
Palestrantes como os professores-doutores Nilcemar Nogueira (RJ), João de Jesus Paes Loureiro (UFPA), Maurício Costa (UFPA), Carmem Isabel Rodrigues (UFPA), Luciana Carvalho (UFOPA), Ivone Xavier (UFPA), Maria Laura Cavalcanti (UFRJ), Maria Ana Azevedo (UFPA), Ana Flávia Mendes Sapucahy (UFPA), Giselle Guilhon (UFPA) e Eleonora Leal (UFPA) entre outros, estarão presentes como convidados.
Dentro da extensa programação teremos palestras, mesas redondas, apresentação artísticas, de terreiros, shows, quadrilhas, grupos folclóricos, relatos de experiências, escolas de samba, dentre outros, conforme programação em anexo.
O Teatro Universitário Cláudio Barradas fica localizado na Rua Jerônimo Pimentel, 546, esquina com a D. Romualdo de Seixas, no Bairro do Umarizal, em Belém.

Programação disponível no link:
https://drive.google.com/file/d/0B0WG2YFi2oZWS0wxNDBxSVQxWFk/view

Comentários